Helmut Marko explica porque Carlos Sainz deixou o programa da Red Bull

Marko explica por qué Carlos Sainz dejó el programa Red Bull

 O assessor executivo da Red Bull Racing revelou as razões pelas quais Carlos Sainz deixou a equipe austríaca em 2017.

Helmun Marko , diretor da academia da Red Bull, referiu-se ao motivo pelo qual Carlos Sainz trocou a equipe austríaca pela Renault em 2017.

Sainz, que passou dois anos na Toro Rosso desde sua estreia em 2015 ao lado do líder do campeonato mundial Max Verstappen, deixou a equipe porque sentiu que poderia fazer melhor fora da Red Bull, disse o consultor austríaco.

"Não despedimos Sainz e não é por acaso que chegamos cedo para contratá-lo", garantiu Marko à mídia alemã 'Formel 1' sobre o talento do atual piloto da Ferrari.

O austríaco lembra que, "Verstappen e Sainz estavam muito adaptados, mas não tivemos oportunidade de lhe oferecer mais do que uma vaga na Toro Rosso. Ele não estava convencido disso. Sentia que não estava a avançar".

Para não prejudicar o espanhol, Marko explicou a estratégia que a equipa seguiu: "Primeiro desistimos dele e depois cancelámos totalmente o contrato. Afinal, não queríamos atrapalhar o seu futuro ."

Seu ex-companheiro de equipe Max Verstappen teve muito a ver com esta decisão. "Em 2015 e no início de 2016 éramos muito fortes, mas víamos Max como o piloto mais forte", explicou Marko."É por isso que a escolha do assento na Red Bull caiu para Verstappen na época. Acho que os resultados que Max mostrou posteriormente justificam essa decisão " , disse Helun Marko.

No Grande Prêmio de Mônaco Carlos Sainz mostrou que a equipe austríaca está errada em não lhe dar mais chances, em suas primeiras corridas com a Ferrari ele já tem um pódio e não parou de lutar pelo primeiro lugar até a linha de chegada.

1 Comentários

Postar um comentário