Rede Globo Desesperada Para Renovar com a Federação Internacional de Automobilismo

F-1 vê último ano de contrato na Globo sem saber se segue na TV brasileira.

f-1-ve-ultimo-ano-de-contrato-na-globo-sem-saber-se-segue-na-tv-brasileira

O último ano do atual contrato da principal categoria do automobilismo com o Grupo Globo - tal contrato vigora desde 2016, com duração de cinco anos.

A Globo tem total interesse na renovação e já conversa com a FIA (Federação Internacional de Automobilismo) desde o último trimestre de 2019 sobre o assunto. 

A expectativa é resolver a questão com calma nos próximos meses. 

Mas os resultados da atual temporada também irão ser considerados. 

Sem um piloto brasileiro desde 2017, a audiência não é aquela dos tempos de outrora, quando marcava médias acima de 20 pontos nas manhãs de domingo. 

A Globo também diminuiu a exposição de cobertura da categoria na programação. Mas a F-1 ainda entrega números e questões que não podem ser desconsideradas.... 

Ponto Positivo 1: 


Faturamento A Fórmula 1 é, atualmente, um dos maiores faturamentos da Globo. 

Para a temporada 2020, até o momento, foram vendidas para o mercado publicitário cinco cotas de patrocínio, de seis disponibilizadas, pelo valor de R$ 98,8 milhões. 

Ao todo, a Globo faturou exatos R$ 494 milhões apenas com publicidade. 

Cervejaria Petropólis (Itaipava), Nivea, Renault, Santander e TIM foram as empresas que compraram as cotas. 

A única empresa que saiu em relação ao ano passado foi a Claro....

Ponto positivo 2: 


Ibope nas manhãs de domingo Em 2019, a Fórmula 1 marcou média nacional de 9 pontos de audiência. 

O índice foi o melhor em oito anos da categoria na Globo e representou um crescimento bem considerável de 13% em relação a 2018. 

A corrida que registrou o melhor índice foi o GP do Brasil, no dia 17 de novembro, com 12 pontos de média - no entanto, esta foi exibida à tarde. 

Em São Paulo, principal cidade e considerada referencia para investimentos publicitários, a F-1 marcou média de 10 pontos em 2019. 

Só para se ter uma ideia, durante a semana, a Globo não costuma marcar mais de 8 pontos com os programas de Ana Maria Braga, Fátima Bernardes e o É de Casa.... 

Comentários