Resultado Treino Classificatório GP da Itália: 14ª prova da temporada 2019

Charles Leclerc Vai Largar na frente na 14º Temporada GP da Itália de Fórmula 1.

Leclerc vê bagunça por vácuo no final de classificação e consegue pole em Monza



O Treino
Q1

As principais equipes foram as últimas e começarem a dar suas voltas  rápidas em Monza no Q1, faltando 12 minutos para o fim. Mesmo com a dupla da Ferrari na pista, Nico Hulkenberg e Daniel Ricciardo pularam na frente, com o alemão cravando 1min20s155.

Mas Leclerc não deixou por menos e foi para a ponta da tabela, com 1min20s126. Valtteri Bottas e Lewis Hamilton ocupavam a terceira e quarta posições respectivamente, quando restavam cinco minutos.

Com problemas, Sergio Pérez parou sua Racing Point na saída da curva 3 e a direção de prova acionou a bandeira vermelha quando o relógio apontava 4min34s para o fim do Q1.

Quando o treino recomeçou, Max Verstappen, que largaria em último por troca de motor, reportou que estava sem potência e voltou para os boxes.

Foram eliminados do Q1: Romain Grosjean, Pérez, George Russell, Robert Kubica e, naturalmente, Verstappen.

Q2

Hamilton começou bem o Q2, sendo o primeiro a baixar o patamar de 1min20s, mas Leclerc voltou a dar as cartas em seguida, com 1min19s553. Quando restavam menos de 10 minutos, Kimi Raikkonen chegou a sair da pista, mas voltou sem problemas. Vettel era o terceiro, a 0s162 de seu companheiro de equipe.

Todos saíram dos boxes quase que ao mesmo tempo para aproveitar o vácuo e fazer a última tentativa, quando restavam dois minutos. Ainda deu tempo para Hamilton pular à frente com 1min19s464.

Foram eliminados: Antonio Giovinazzi, Kevin Magnussen, Daniil Kvyat, Lando Norris e Pierre Gasly.

Q3

Leclerc saiu na frente na fase decisiva do classificatório, com 1min19s307, apenas 0s039 à frente de Hamilton. Raikkonen trouxe a bandeira vermelha na sessão, após sair da pista e ir parar na barreira de pneus da Parabolica.

Após a retomada da sessão, os carros voltaram para a decisão quando restavam dois minutos, mas durante a volta de aquecimento, os pilotos tentaram utilizar o vácuo uns dos outros, o que acabou atrasando a maioria deles. Quando o cronômetro zerou, apenas Sainz e Leclerc conseguiram abrir volta, confirmando a pole do monegasco.

O GP da Itália acontece neste domingo, às 10h10, horário de Brasília.



Comentários