Magoa do Passado?

'Leclerc revela passado tenso com Verstappen: Quando éramos crianças, nem nos despedíamos"

Rivalidade entre os dois vem desde os tempos de kart, mas monegasco diz que hoje em dia ele e holandês sabem separar as coisas; na Áustria e Inglaterra, pilotos tiveram duras disputas


Charles Leclerc e Max Verstappen são apontados como protagonistas da possível nova grande rivalidade na Fórmula 1. Os dois competem juntos desde o kart e este ano tiveram uma grande disputa pela vitória na Áustria - o holandês prevaleceu - e também se tocaram numa briga por posição na Inglaterra. Leclerc garante que hoje os dois têm uma relação bem melhor do que no começo de carreira.

- Quando éramos crianças, nem nos despedíamos porque confundíamos o piloto com a pessoa, éramos imaturos. Agora já não misturamos os dois, felizmente - comentou Leclerc ao jornal "Corriere della Sera".

Charles Leclerc e Max Verstappen não esperam superar Mercedes — Foto Getty Images

Uma das grandes revelações dos últimos anos na Fórmula 1, Leclerc ainda não quebrou a barreira da vitória. No Barein, um problema no motor fez o monegasco cair para terceiro, enquanto na Áustria, o piloto da Ferrari liderava até faltarem três voltas para a bandeirada quando foi ultrapassado por Verstappen após um toque:

- Na Áustria, Max tinha mais carro e eu lutava para acompanhá-lo. No Barein, foi um pouco difícil de aceitar, mas no fim, como eu piloto desde os três anos, virei imediatamente a página. Neste esporte você sempre vai ao limite, é normal que possa quebrar alguma coisa. Você sabe que esse risco existe, caso contrário, fica em casa.

Na classificação do campeonato, Leclerc é o quinto colocado, com 132 pontos, 24 a menos do que o companheiro Sebastian Vettel. O ferrarista subiu ao pódio por cinco vezes (quatro terceiros lugares e um segundo). Max é o terceiro na classificação geral, com 181 pontos e duas vitórias.

Comentários